22 out 2019

Muro do Hospital Santa Izabel com intervenção artística de Bel Borba é apresentado

O artista criou 12 painéis em comemoração aos 470 anos da Santa Casa da Bahia

Arte. Beleza. História. Na última segunda-feira (21), os baianos ganharam um presente especial. No ano em que comemora 470 anos de fundação, mesma idade da cidade de Salvador, a Santa Casa da Bahia apresentou o resultado da revitalização do muro do Hospital Santa Izabel assinada por Bel Borba.

A intervenção conta com 12 painéis inspirados na história da Santa Casa ao longo de mais de quatro séculos de existência. Produzidos com azulejos robustos de piscina pintados com tinta de porcelana na cor azul Ilha Bela, fixada a 980º, cada um mede 5,5m x 2,5m.

A escolha de Bel Borba para a condução do projeto deve-se, além do renome nacional e internacional do artista, à relação afetiva que mantém com a cidade de Salvador, assim como a Santa Casa da Bahia.

“Conduzi o trabalho a partir da interpretação que tive das coisas que vi na Santa Casa. Mas também, e principalmente, na vida. A azulejaria já compõe outras obras do acervo da instituição e a técnica, o estilo e a narrativa que apliquei já fazem parte do meu repertório”, afirma Bel Borba.

O artista ainda comenta sobre a satisfação de estar à frente da produção. “Preciso dizer que para mim é uma honra muito grande assinar um projeto de tamanha visibilidade e durabilidade para uma instituição da envergadura da Santa Casa da Bahia. Ser escolhido, a partir de tudo que venho construindo ao longo da minha carreira, condiz com a minha trajetória e me dá ainda mais certeza de que trilhei o caminho certo”, finaliza.

O provedor da Santa Casa da Bahia, Roberto Sá Menezes, destaca mais esse importante capítulo da instituição. “Neste ano comemorativo, estamos presenteando os baianos com várias iniciativas para marcar ainda mais a história da entidade. No início do ano, lançamos um livro de autoria de Nelson Cadena, recentemente abrimos uma exposição com obras de Genaro de Carvalho no Museu da Misericórdia e agora estamos ao lado de Bel Borba com mais esse belo projeto”, afirma.

A intervenção no muro do Hospital Santa Izabel foi devidamente aprovada pelo Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia (IPAC). Em parecer, o órgão atestou tecnicamente o projeto, bem como considerou louvável a iniciativa da Santa Casa da Bahia em registrar e compartilhar sua trajetória.